IPO

Escrito por : <b>Hirbis Girolli</b>

Escrito por : Hirbis Girolli

Você sabe o que é IPO?

Quem se interessa pelo mercado de ações, cedo ou tarde, vai se deparar com essa sigla.

Esse é um ambiente repleto de nomenclaturas próprias, incluindo algumas estrangeiras, que você precisa dominar para se dar bem nos seus movimentos financeiros.

Mas não se preocupe se tiver dúvidas.

Caso esse universo todo seja uma novidade para você, é só acompanhar o conteúdo até o final.

Nele, vamos esclarecer o que é IPO, como funciona e o que você precisa saber a respeito do tema.

Siga acompanhando.

E não perca: no final do texto, sempre respondemos algumas das perguntas mais importantes sobre cada termo do Dicionário Finantor.

O que é IPO?

IPO é uma sigla para o termo em inglês “Initial Public Offering”, ou “Oferta Pública Inicial” em uma tradução para o português.

Na prática, ela se constitui quando uma empresa, pela primeira vez, se abre para receber novos sócios a partir da venda de parte das suas ações no mercado financeiro.

Sendo assim, o negócio passa a ser uma companhia de capital aberto atuante no pregão da Bolsa de Valores.

Como funciona o IPO?

Para uma empresa realizar uma IPO, ela deve seguir uma série de pré-requisitos, como ser constituída, judicialmente, como uma sociedade anônima (SA).

Além disso, esse é um processo que não acontece de uma hora para outra e que demanda certo grau de maturidade para ser implementado.

Ou seja, é preciso que o negócio tenha atingido um nível de sustentabilidade para que chame a atenção de possíveis interessados.

Aspectos fiscais e financeiros, como auditoria e divulgação de balanços periódicos, e questões burocráticas, como a solicitação de registro e de listagem da empresa na Bolsa de Valores, também são etapas presentes.

E para que os sócios possam conhecer a sua companhia, é fundamental apresentá-la a eles.

É o que, nesse universo, chamamos de roadshow: reuniões de divulgação do negócio para o mercado.

Nelas, os principais executivos devem estar presentes para mostrar em detalhes o prospect, documento que detalha a empresa em si e a oferta em questão.

Dúvidas importantes sobre IPO

Depois de entender o que é IPO e o básico sobre a Oferta Pública Inicial, chegou a hora de encontrar respostas às dúvidas mais comuns sobre o tema.

Separamos três questões principais.

Quais são os dois tipos de ofertas públicas?

Existem dois tipos de ofertas públicas: a primária e a secundária, também chamada de follow-up.

Entenda melhor:

  • Primárias: emissão de novas cotas acionárias de fundos para investimentos para o público habilitado, fazendo com que o número de sócios aumente. Aqui, o dinheiro da venda vai para o caixa da empresa
  • Secundárias: venda de cotas acionárias já existentes na companhia, ou seja, sócios se desfazem de parte da sua participação. Aqui, o dinheiro da venda vai para os acionistas que negociaram os seus papéis.

Qual é a diferença entre IPO e OPA?

As Ofertas Públicas de Aquisição (OPAs) têm um propósito contrário ao das IPOs. 

Se estas têm como objetivo aumentar a sua presença no mercado, a partir de um maior número de sócios, as OPAs são ações de saída.

Ou seja, o acionista majoritário faz propostas para comprar os papéis dos demais parceiros, tendo como objetivo assumir o total controle da empresa.

Como investir em IPOs?

Para investir em IPOs, tudo o que você precisa fazer é iniciar uma conta em uma corretora de valores e acompanhar quais empresas estão abrindo capital.

Depois de analisar as opções e se decidir pela companhia na qual vai alocar os seus recursos, você deve entrar com um pedido de reserva de ações e encaminhar a documentação necessária para garantir a sua participação no IPO.

Então, é só finalizar a negociação, pagando o preço final dos papéis e acompanhar a valorização dos ativos.

E aí, gostou do artigo? Para saber mais sobre temas do mercado financeiro e finanças pessoais, confira outros conteúdos da Finantor.

Acesse agora mesmo o nosso site e comece a mudar a sua relação com o dinheiro. 

Entenda melhor os principais termos do universo financeiro pesquisando no Dicionário Finantor.

Conhecer esses termos permite que você cuide melhor do seu planejamento financeiro.

E com planejamento financeiro, a vida fica mais fácil.

Hirbis Girolli

Hirbis Girolli

Fundador da Plataforma Finantor

Comentários

    Artigos Relacionados